Meu Emagrecimento

LilySlim Weight charts

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

30 semanas.;. novos sintomas..

Graças a Deus, chegamos às 30 semanas... finalmente, a contagem regressiva começou...

Eu acho que o Noah nasce entre o dia 03 e o dia 11 de abril, ou seja, com 39 semanas e muuuuuuuuuuuito a esperar... mas vamos ver. De qualquer forma, agora tá ficando perto, pertinho de conhecer meu filhote. Sonhei dia desses com o pezinho do Noah bem na parte baixa da minha barriga... sonhei que ele empurrava com tanta força, que era possível ver e sentir todo o pezinho... lindo demais... lógico que no sonho eu pude passar a mão e ver nitidamente (o que não seria possível, já que não consigo mais enxergar abaixo do umbigo, se não for com um espelhinho, né?!)... mas sonho é sonho e foi muito gostoso.. isso foi.

Também com essas 30 semanas chegou um sintoma que eu não tava nem um pouco afim de ter: dores nas pernas... mas não é qq dor, não.. são dores fortíssimas... começou com uma cãimbra horrível na panturrilha direita, na sexta à noite... aí, começou a doer que não parou mais.. pior, a dor tb passou para a panturrilha esquerda, ou seja, dor que não acaba mais. Já coloquei os pés pra cima, maridão fez massagem e nada... aumentei a ingestão de cálcio (leite e derivados) e potássio (banana), mas ainda não resolveu. O jeito é aguentar, né?! Também tem uma dorzinha, que eu sentia muuuuuuuuuito de vez em quando, e agora tô sentindo com uma certa frequência. É uma dor agudinha que dá lá embaixo, que chega a doer na pretcheca...rsrs. Eu não sei se é algum movimento específico que o Noah faz - até pensei que fosse a Braxton Hicks, mas como ela é indolor, não pode ser, né?! Eu sei que essa dorzinha é chatinha pra caramba e me faz parar onde eu estiver... tomara que seja algo normal, né?!

Bom, ai que não fizemos naaada no nosso niver de casamento... uma moça lá da igreja morreu de repente, e ai teve velório e o culto fúnebre bem no sábado... à noite, Paulo tava um prego e eu tb... até porque, lembram que eu falei de uma reforma que iam fazer lá no quarto de casal??!! Pois eh.. ficou uma sujeirada só... horrível... passei o dia de sábado fazendo faxina.. na verdade, a caseira do prédio foi quem pegou no pesado e eu só fui ajudando no que podia. Depois, meu irmão e minha mãe foram pra lá e me ajudaram a colocar tuuuuudo no lugar... ou seja, não tivemos disposição pra nada. Aliás, a única coisa que fiz diferente, foi que deu vontade de comer um cuzcuz doce (que é feito com coco e tapioca, eu acho) e aí, eu saí pra comprar junto com minha mãe... mas só. Voltei pra casa e estiquei as pernas. Não aguentava dar mais um passo.

Vamos ver quando poderemos comemorar nosso niver... queria muito sair um pouco, aproveitar que ainda estamos só nós dois (ou quase..rsrs) para namorar um pouco... mas vamos ver se vai dar, né?!

Enfim, esse foi meu fim de semana. Agora tô na labuta, tentando me desvencilhar de tudo e sair de atestado amanhã mesmo... num tô aguentando... inda mais com essas dores que falei....

Torçam por mim... sei que tá cedo, mas é a minha saúde e a do baby, né?!
Bjsss

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Como sempre, um monte de coisas...

Pois eh,

Gostei muito da repercussão do meu último post. Todo mundo tem alguma coisa pra falar, né?! Acho importante debater o assunto e buscar o maior número de informações possíveis. Afinal, é do nosso corpo e do nosso momento mais que especial que estamos falando, né?! Não é certo deixar outros decidirem pela gente...

Enfim, mudando de assunto, no sábado faço 6 anos de casada. Sim, a 6 anos eu entrava na igreja, toda sorridente ao lado do meu pai meio emburrado (tadinho), indo ao encontro do amor da minha vida, daquele que me deu o nosso maior presente: o Noah.... algumas fotos ai pra relembrar:


A entrada...
Cantando com o maridão...
Um beijo...
Minha invenção.. ficou legal, né?!

Ok?! Eu sei que tô diferente, afinal nessas fotos eu estava com 58 kg - magra até demais!! Mas enfim, logo voltarei a ficar gata e gostosa como antigamente... foi minha promessa pro maridão e vou cumpri-la com a ajuda de vcs... mas isso é assunto pra depois que o Noah nascer. Não quero ficar preocupada com isso agora.

Já combinei tb o meu ensaio fotográfico. Provavelmente, será na 3ª semana de fevereiro (se Deus quiser, até lá, estarei livre do trabalho). Já discutimos como quero as fotos e pra minha alegria, meu fotógrafo e sua esposa (que tb é fotógrafa e técnica em enfermagem - e que fotografará meu parto) me deram esse ensaio de presente!!! Não é demais!!! Amigos assim, não tem preço...
Quanto ao meu trabalho, gente é demais... num tô aguentando. É briga, é um querendo furar o olho do outro, é confusão atrás de confusão, além da pressão extraordinária cada vez que se vai fechar o pagamento dos servidores... eu já decidi que não fico lá depois do dia 11.. na verdade, tô tentando sair antes, mas se não for possível, depois do dia 11 não tem acordo. Vou sair e ponto final. Além do que, tem muita coisa pra eu fazer, né?! Quarto, últimos preparativos, o chá, as fotos, a preparação para o parto normal... enfim, um monte de coisas.

Bom, o Noah continua do mesmo jeito: tem dia que mexe até - e tem outros, que dorme, dorme e dorme... queria que ele fosse mais sapeca, afinal, a gente baba com os chutes e movimentos deles, né?! Mas, tudo bem... o importante é que ele esteja bem.

Eu sei que pode parecer bobagem, mas um coisa anda atrás da minha orelha... o Noah não virou ainda, gente. A médica disse que em geral, o primeiro filho vira entre a 30ª e a 32ª semana... mas eu já vi muitas vendo o bebê virado antes da 28ª... queria tanto ver ele virado na US de semana que vem.... vcs podem me dizer com quantas semanas o bebê de vcs viraram??!! Só pra eu ter uma idéia.... e matar essa pulga que tá me atormentando.....rsrs.

Domingo, faremos 30 semanas. Não é lindo, isso??! Dia 29, 6 anos de casada e dia 30, 30 semanas de gestação!!! Tô muito feliz... mesmo com as pulgas que aparecem e os aborrecimentos no trabalho, essa gestação me deixou muito feliz... e isso ajuda a gente a se sentir mais bonita, mais poderosa. Me sinto uma mulher realizada. Não importa nem os quilinhos a mais... olho no espelho (e mesmo ainda achando a barriga um pouco pequena), me acho linda!!! Que bom, né?! Espero que se sintam assim tb.

Bom, vou parar por aqui. Prometo mais post interessantes sobre parto e amamentação daqui pra frente... tenho descoberto muita coisa e vou contar tudo pra vcs.
Bjsss

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Sobre o parto...

Bom, existem muitas divergências e discussões a respeito do tipo de parto. Quero deixar claro aqui que odeio essa conversa de ser mais ou menos mãe. Isso não existe. Todas são mães, independente de o bebê ter nascido por parto normal, cesário ou se ele veio de outra mãe e ficou como filho do coração.

Eu defendo com unhas e dentes o parto normal, pq é o parto que sonho pra mim. Um parto para o qual meu corpo foi preparado: todos os músculos, ossos, ligamentos, tudo vem sendo preparado durante os anos de minha vida para esse momento. Um parto com o mínimo de intervenções possíveis, onde eu possa ter minha liberdade de expressão, de opinião e onde eu possa sentir todo o poder do meu corpo. Enfim. Sei que há dor, mas sei que eu vou estar lá, inteira nesse momento único da minha existência.

É claro que existe a possibilidade da cesária ser necessária. Algo pode dar errado no percurso e ai, temos a cesária como meio de consertar as coisas, de ajudar. Mas esse negócio de marcar a cesária porque o médico quer ou porque eu tenho medo da dor ou medo de como vai ficar lá embaixo ou qq outra coisa que não seja a minha saúde e a do meu bebê, é um absurdo. Cesária é cirurgia. Há grandes riscos... bem maiores que no parto normal. Hoje existe a possibilidade da anestesia peridural durante o parto normal ou da analgesia. Eu não descarto a possibilidade de querer a analgesia, mas nunca a peridural - é quase a mesma coisa que fazer uma cesária. Graças a Deus, a peridural quase não é utilizada no PN, mas pelo sim, pelo não, resolvi colocar esse texto aqui, para fazer todo mundo refletir.

Esse texto foi extraído do livro "Quando o Corpo Consente" de Marie Bertherat, Thérèse Bertherat e Paule Brung. É o diário de gravidez de Marie. Foi escrito em 1997 e apesar de ser um pouco antigo, tem muitas lições importantes para quem está grávida. O texto abaixo foi escrito pela parteira Paule Brung. Leia com atenção.
As mulheres não reagem da mesma maneira à dor do parto. Algumas se contorcem de dor, outras não sentem nada ou quase nada. Por diversas razões fisiológicas e psicológicas. Nosso corpo não está inerte diante da dor, ele tem suas defesas próprias. No momento do nascimento, o organismo materno secreta um hormônio chamado endorfina. É um analgésico semelhante à morfina. A endorfina adormece a dor e proporciona bem-estar. Se o relacionamento do pessoal da maternidade com a mãe for calmo e apaziguador, a secreção de endorfina aumenta. O ambiente, o meio no qual a mulher dá à luz, a confiança que ela tem, ou não, em si mesma, na parteira e no médico influem muito no modo como ela vai sentir dor. Um estudo feito na Inglaterra e citado por Jeannette Bessonard em "Oles des Gesfemmes", mostra que, quando as mulheres conhecem a parteira (ou o médico) que as assiste, o número de anestesias durante o trabalho de parto diminui ao mesmo tempo em que cresce a proporção de partos normais e naturais.

A esse propósito, lembro-me da Sra. D. Quando chegou à maternidade, estava sorridente e tranqüila. O trabalho caminhava rapidamente, ela controlava muito bem as contrações até que a enfermeira, ao levá-la para a sala de parto e achando que fazia uma piada, disse que iam para a "sala de torturas". A Sra. D. deixou de controlar as contrações, ficou subjugada pela dor e tivemos muita dificuldade para fazê-la retomar o trabalho correto. Era a única frase que não poderia ter sido dita.

A dor também não é estranha à história emocional da mulher. Ela deseja ou tem receio de soltar o filho, de pô-lo no mundo? Tem medo da separação? Todo parto remete ao próprio nascimento. Ao dar à luz, a mãe revive o trauma de sua chegada ao mundo. Se nasceu com a ajuda de fórceps, vai ter medo do fórceps. Se nasceu por cesariana, terá medo de cesariana. Ora, é quase sempre o medo e a angústia que provoca a dor. É uma teoria antiga, que verifico a cada nascimento. A mulher com medo tem contrações exageradas nos músculos, principalmente na região lombar e na bacia. O bebê se encaixa mal, o útero precisa redobrar esforços para superar o obstáculo muscular, as contrações serão mais fortes,mais longas e mais dolorosas. Cai-se num círculo vicioso. Como enfrentar as contrações, como torná-las suportáveis e como dominar a dor? Como conservar a calma e viver intensamente, mas sem experimentar as sensações tão fortes e poderosas da vinda ao mundo?

As contrações não duram para sempre, porque todas elas são eficazes. A dor existe, mas dá para suportar, porque o bebe sairá logo. Se você ainda não optou pela anestesia peridural e a deixou de lado como um coringa a ser usado caso a dor se torne insuportável, é provável que nem venha a precisar dela. Não sentirá vontade, nem necessidade de ser anestesiada. Vai viver o parto em toda a sua plenitude. As parteiras costumam dizer que a anestesia peridural as relega a um papel técnico; é o médico quem decide tudo. Outras, porém, gostam da anestesia porque a função delas fica mais fácil, já que as paturientes não dão trabalho. Isso revela um novo estado de espírito. Acaba-se esquecendo que quem dá à luz é a mãe, e não o médico ou a parteira! A anestesia cria uma separação entre a mulher e seu corpo no momento em que ela mais tem necessidade de saber, e sobretudo de sentir, o que está acontecendo. A mãe fica imobilizada, pregada numa cama durante todo o trabalho, sem a possibilidade de fiar-se em suas sensações - que praticamente deixam de existir. Ela só obedece à ordens do médico e sujeita-se a suas intervenções. A parte superior do corpo assiste, impotente e submissa à intervenção médica efetuada na parte inferior. Incapaz de participar, a mulher fica condenada a suportar; quanto ao bebê, tem de enfretar sozinho as contrações. A mãe é forçada a abandoná-lo em plena tormenta; não seguem juntos o mesmo percurso.

Para quem quiser ler mais, pode baixar o livro aqui. É só clicar, ter um pouco de paciência para o arquivo ser carregado e salvar. Espero que gostem e até, que mudem de idéia. Sempre há tempo.
Também uma ótima reportagem que saiu na revista Época desta semana: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI204610-15230,00.html
Bjsss

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Dica interessante...

Quando estava fazendo a lista de presentes do chá de bebê, surgiram algumas dúvidas a respeito dos produtos (marcas) que realmente são boas nas opiniões de quem já é mamãe.

Consegui achar um site super legal: http://www.testadopelamamae.com e um blog: http://mamaetestou.blogspot.com. Acho importante repassar essa informação. Então, está aí.

Espero que gostem da dica.
Bjsss

Selinho.... tem tempoooooo

Bom, Carol ofereceu, eu peguei...rsrs. Tem tempo que não pego um selinho, então, resolvi responder esse:


1. QUAL SEU NOME?
Priscila
2. ONDE VOCÊ MORA?
Guarapari
3. QUANTOS ANOS VOCÊ TEM E QUANDO FAZ ANIVERSÁRIO?
Tenho 27 anos, meu niver é 28 de Abril
4. QUAL A SUA ALTURA E QUAL NÚMERO VOCÊ CALÇA?
Tenho 1,64 e calço 38
5. ESTADO CIVIL OU SITUAÇÃO, TEM FILHOS?
Casada e espero o Noah, meu meninão
6. QUAL SUA COMIDA FAVORITA?
Qualquer massa - principalmente lasanha.
7. QUAL SUA BEBIDA FAVORITA?
Suco de laranja e refrigerante (qq um..rs)
8. COMO VOCÊ SE AUTO DEFINE?
Perseverante, gênio forte e dorminhoca
9. QUAL O SEU SONHO?
Ver o Noah nascer saudável e poder sentir seu cheirinho delicioso
10. QUAL O SEU PIOR DEFEITO?
Falar o que vem à cabeça (já melhorei, mas...)
11. TRABALHA ATUALMENTE EM QUE?
Recursos Humanos
12. FAZ FACULDADE OU ALGUM CURSO?
Me formei em Publicidade e propaganda
13. TEM ALGUM BICHINHO DE ESTIMAÇÃO, QUAL O NOME?
Não
14. QUAL SUA BANDA, DUPLA OU CANTOR FAVORITO?
Alessandra Samadello (gospel), Roupa Nova (mpb) e BeeGees (internacional)
15. TEU FILME E ATOR/ATRIZ FAVORITO?
São muitos... mas tem Dirty Dance - Ritmo Quente e De repente, 30. Atriz: Sandra Bullock
16. TEM SAUDADE DE ALGO OU ALGUÉM?
Tenho saudade das pessoas queridas que já se foram... e da minha infância e adolescência...
17. FATO QUE MAIS MARCOU SUA VIDA.
Minhas gravidezes
18. TEM APELIDOS?
Sim, Pris, Pri
19. COM O QUE VOCÊ NÃO PODE SAIR DE CASA SEM?
Maquiagem
20. QUAL SUA MARCA DE MAQUIAGEM FAVORITA?
Várias... a que ficar legal na hora...
21. ONDE VOCÊ COSTUMA COMPRAR ROUPAS?
Qualquer lugar
22. VOCÊ PRETENDE SE CASAR?
De novo?? Só se for com o mesmo cara...
23. VOCÊ ESTÁ APAIXONADA?
Sim, sempre...
24. QUAL O PRODUTO QUE VOCÊ NÃO TROCA DE JEITO NENHUM?
Base da Avon... o resto, troco tudo de tempos em tempos: perfume, desodorante, shampoo, batom, marca de alimentos.. e por ai vai...
25. DIGA UMA DICA, TRUQUE OU PRODUTO QUE DESCOBRIU NA INTERNET.
Mooncup - Menstrual Cup (um copo de silicone que substitui os absorventes) muito interessante: http://www.mooncup.co.uk/languages/pt/home.html
26. DIGA DOIS PRODUTOS QUE VC QUER, NA ÁREA DA BELEZA, MAS AINDA NÃO COMPROU.
Hum... não tenho... ou não lembro no momento..rsrs.
27. POR QUE DECIDIU CRIAR UM BLOG?
Pra me ajudar a emagrecer... esse era o alvo principal.. Mas, com a gravidez, virou tb um albúm de recordações... mas assim que ganhar o Noah, volta ao alvo principal: emagrecimento.
28. COLOQUE UMA FOTO SUA QUE VOCÊ MAIS GOSTE. Também ofereço esse selinho a todas as minhas amigas virtuais.
Bjsss

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Sobre meu chá de bebê

Olá, amores

Como vão?? Nós vamos bem, graças a Deus. Continua a falta de ar, o cansaço, as dores na lombar e nas pernas, mas estamos bem. Noah tem se mexido mais, mas é muito calminho (só espero que ele continue assim depois de nascer...rsrs).

Hoje vim falar um pouco sobre meu chá de bebê. Ainda não está tudo acertado, mas já vou adiantando alguma coisa pra vcs.

Meu chá vai ser na minha igreja. Lá tem bastante espaço e isso vou precisar com certeza. Acontece que sou esposa de um ministro da igreja e não dá pra fazer um chá só com alguns amigos ou poucos escolhidos. Meu chá vai ser pra mais de 200 pessoas e olha que isso não é nem um terço da igreja - é o número mínimo em que estou me baseando. São adolescentes, jovens, mulheres e idosas que, com certeza, não vão deixar de participar. E ainda tem as amigas da faculdade, do trabalho e da vizinhança que não tenho como deixar de convidar... ufa!! É muita gente. Talvez, não vá nem a metade, mas ninguém vai reclamar que não foi chamado, né?!

Então, vamos lá. Fiz 300 convites. Em 100 deles (modelo 1), pedi 1 pacote de fralda descartável tamanho tal e alguma outra coisa a mais, tipo: 1 sabonete, 1 chocalho, 1 chupeta com bico de silicone, 1 creme para assaduras BabyMed, e por ai vai... Nos outros 200 (modelo 2), pedi apenas a fralda descartável, sendo que algumas noturnas. Também pedi a marca Turma da Mônica e Pampers para as fraldas e as cores azul, amarela, branca ou verde para as outras coisinhas.

Modelo 1
Modelo 2

Sei que, algumas pessoas que receberão o convite modelo 2, vão querer dar algo mais, então já combinei com as meninas que estarão responsáveis pela distribuição dos convites, que peçam uma oferta para a montagem do quarto. Afinal, qualquer R$ 5 ou R$ 10 que entre, ajuda, né, gente?!!

Também fiz uma tag pra colocar num pirulito que será a "lembrancinha" do chá - já que não dá pra gastar demais.
Enfim, meu chá está marcado e os convites começarão a ser entregues no domingo pela manhã. Meu único dilema agora é o que oferecer pra esse tantão de gente.... O melhor a fazer, na minha opinião, é esperar os convites serem distribuídos e saber exatamente o nº de pessoas confirmadas, pra só depois decidir sobre esse aspecto. Talvez, uma torta salgada com refrigerante esteja de bom tamanho, mas vamos ver. Se alguém tiver alguma sugestão, eu aceito..rs.

Quem vai dirigir o chá vai ser uma amiga, a quem chamamos carinhosamente de tia Eulália..rs. Ela ficará responsável por fazer as brincadeiras com os convidados, lógico que, tudo tendo meu aval, né?! Luanna e Deliane distribuirão os convites e me ajudarão na organização da festa... só não pensei na decoração ainda... bom, vamos ver isso daqui pra frente.

Acho que é só. Um ótimo dia para todas.
Bjsss

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Consulta e Presente

Eu tenho tanto pra falar, mas agora tô realmente cansada.... o dia foi longo, então, aqui vai apenas um resuminho.

Primeiro, fomos na casa de minha sogra, almoçamos uma comidinha caprichada e rumamos para o consultório. Pra variar, a consulta que estava marcada para 13:30h, só ocorreu ás 15:20h... teeenso ter que esperar tanto, mas não tem jeito né?!

Por outro lado, tudo está às mil maravilhas. Meu peso (graças a Deus) oficial foi de 83kg, ou seja, apenas 1kg a mais da última consulta (aleluias!!!); minha pressão está 10x6 - melhor impossível; já tenho colostro e as glândulas já se apresentam cheias (ufa!); e o melhor de tudo: minha altura uterina está em 32cm - ou seja, compatível com 32 semanas ou 8 meses..rs... o Noah tá crescendo bem rápido... tá bem maior que a idade gestacional dele..rsrs. A doutora, dessa vez, foi só elogios, graças ao bom Deus. Saí de lá feliz da vida e espero continuar assim..rs.

Depois, fomos ao shopping. Levamos um casal de filhos de nossos amigos e passeamos muuuuuuuuito. Tô moída. As pernas estão pedindo arrego, por isso não dá pra demorar aqui..rs. Mas aproveitei a ida ao shopping para matar a minha vontade de tomar um Milkshake de Ovomaltine do Bob's. Ai!! Que delícia!!! Me acabei...rsrs e queria ter tomado mais, mas achei melhor não abusar, né?! Enfim, foi muito bom meu dia, graças a Deus.

Agora, ganhei um presente hoje, que vcs não tem noção... Desde o início da gravidez, eu sabia o que queria dar de lembrança na maternidade e nas primeiras visitas em casa: a lembrancinha da linha Mamãe e Bebê da Natura. Para quem ainda não conhece, são 20 mini sabonetes Mamãe e Bebê, que vem acompanhados de 20 caixinhas, 20 fitas e 20 adesivos para personalização. Uma graça, além do cheiro ser maravilhoso!!! No site da Natura tem pra vender, mas tb achei no Mercado Livre um pouco mais em conta. Tava planejando comprar umas 2 caixas no mês que vem, porém agora, só vou precisar comprar 1, pois acabei de ganhar uma de presente da minha concunhada, a Sara. Gente, fiquei doooooida quando vi o que era o presente embrulhado num linda saquinho de tecido!!! Me apaixonei ainda mais. Garanto que, é um excelente investimento, para quem ainda não pensou em nada.

Bom, tb tenho novidades do chá de bebê, mas vou deixar para outro post. Estamos super cansados, então, vamos pra cama já.
Bjsss e se cuidem.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

A Encantadora de Bebês

Bom,

Já que minha amiga Ju deu a dica, amei e já peguei. Como seguidora da Tracy Hogg, não dá pra deixar de falar no livro "Encantadora de Bebês".

Quando eu engravidei, em julho de 2009, via o meu maior sonho ser concretizado. Comecei então a pesquisar e comprar coisas pra minha gestação. Uma das primeiras coisas que comprei foi um livro entitulado "A Encantadora de Bebês resolve todos os seus problemas", um livro de capa rosa, bonito, com uma moça e duas crianças no colo. Me encantei e encomendei através do site Americanas.com. Claro que esse livro foi presente do maridão, né?! E quer saber? Foi a melhor coisa que fiz.

O livro chegou uns dias depois e comecei a ler. Gente, fiquei maravilhada. Amei o livro e aprendi muito sobre os bebês. E sabe o que mais? As idéias dela batiam com as minhas... eu sempre cuidei de criança e sempre observei o modo como os pais criavam seus filhos, então, já tinha minhas próprias opiniões do que era bom e do que não era. As idéias da Tracy Hogg e da Melinda Blau, escritoras do livro, caíam como uma luva pra mim. Lógico que, tem coisas que eu não vou fazer, não vou usar ou não concordei muito - esses detalhes sempre existem. Mas o básico do livro eu vou usar. Então, vamos aos pontos principais:

Estabelecer uma rotina para o bebê - Pense comigo: todos os dias, qual a primeira coisa que vc faz após levantar-se?? E porque vc faz isso?? Simples. Rotina. A rotina, às vezes, torna-se cansativa, aí a gente muda ela de vez em quando. Mas em geral, a rotina faz bem, pq a gente sabe o que vem depois. Com o bebê é a mesma coisa. Quando no ventre da mamãe, o bebê recebe alimento, dorme, brinca, tudo ao mesmo tempo. Ele tá lá quentinho e protegido e nada pode assustá-lo ou tirá-lo dessa rotina. Mas quando ele nasce, tudo fica de pernas pro ar. Ele não sabe quando a comida vai vir e se ela não vem, ele chora. Ele não sabe qual a hora de dormir e se não dorme, chora. Ele sente uma dorzinha esquisita na barriga que antes não existia e chora. Ele se assusta com um barulho forte e chora. Enfim, ele fica sem rotina. Partindo desse ponto, a Tracy entendeu que a primeira coisa que se deve fazer quando um bebê nasce é estabelecer uma rotina. Rotina, não cronograma. Afinal, de segunda a sexta eu escovo os dentes pela manhã por volta de 8h, mas no sábado eu faço isso às 10h. É minha rotina, mas não tem horários fixos (cronograma). Então, para facilitar a idéia dessa rotina, a Tracy criou uma sigla em inglês que nos faz lembrar de cada coisa que o bebê precisa: EASY - Eating (Comer), Activity (Atividade), Sleeping (Dormir), Yourself (Você).

Método EASY - Então, é mais ou menos assim. O bebê vai ser alimentado, depois vai brincar um pouco ou tomar banho ou qualquer outra atividade, para só depois dormir. Isso faz com que o bebê não veja o ato de mamar como algo ligado ao sono, o que para mim, é o pior erro que uma mãe comete. Claro que existem exceções, tipo: se o bebê tá doente, se ele é prematuro, essas coisas. Mas um bebê saudável não pode atrelar o dormir com o mamar e vice-versa. Isso faz da mamãe uma escrava e estou falando por experiência. Já vi isso acontecer com amigas e tô vendo isso acontecer de novo....

Depois, ela destrincha cada parte do EASY no decorrer do crescimento da criança, explicando como funciona a alimentação, quanto tempo de duração, quanto o bebê ingere; como ensinar o bebê a dormir sozinho, a aprender a se acalmar sem a ajuda dos pais, a desenvolver segurança; e por fim, mostra que se vc tem um bebê na rotina, vc terá tempo livre pra vc. A idéia é boa, né?! Ela ainda explica nesse livro rosa outros detalhes, tipo: como diferenciar os choros do bebê, as personalidades dos bebês (sim, cada bebê tem um jeito de ser e isso influi na rotina), as coisas que faz o bebê sair da rotina, os tipos de dor que o bebê pode sentir, a paternidade acidental, a superestimulação, entre outras coisas. Enfim, um livro que vale a pena ser lido.

Então, eu digo mesmo: se vc tiver a oportunidade de comprar, compre. Tenho certeza que vc não vai se arrepender. Não digo que é pra vc se tornar um escravo do EASY e fazer tudo como manda o livro. Não. O EASY existe para facilitar e não para escravizar. Não seja radical!! Mas o EASY pode ajudar muito, principalmente aqueles que como eu, serão pais de primeira viagem. E tb nem tudo do livro vc pode querer usar, talvez, alguma coisa não te agrade. Mas assim como a Bíblia ensina: "Retém o que é bom", o resto vc descarta.

Eu vou colocar o Noah na rotina desde o primeiro dia em casa. Para isso, meu esposo tá lendo o livro, depois minha mãe vai ler tb e até minha sogra. Todos que de alguma forma podem ter um contato maior com ele. Assim, quem vier a minha casa, terá que respeitar a rotina estabelecida. Nada de acordar meu filho só por acordar. Nã-não.

Bom, quem quiser saber mais coisas, minha amiga Thais colocou num blog as principais idéias da Tracy, com as alterações que ela fez na prática com o filho dela, o Paul. Vc pode dar uma espiadinha em: http://encantadoradebebes.blogspot.com/ , mas já adianto que o livro é diferente, ok?!

Outra coisa: são dois livros principais. O livro azul "Os segredos de uma Encantadora de Bebês" e o rosa, que já falei. O primeiro fala mais sobre o EASY em si. O segundo, fala do EASY e de várias outras coisas. Então, eu sempre indico o rosa.... mas se puder comprar os dois, ok.

Espero ter contribuído de alguma forma com essa dica. Sei que pra algumas amigas tá bem em cima da hora, mas a Tracy diz que até as 6 semanas de vida, ainda é bem tranquilo colocar a criança no EASY, então, dá tempo. Mas isso não quer dizer que não dê pra colocar crianças mais crescidas, ok?! Dá sim, e no livro rosa, ela explica como.

Quando o Noah nascer, vou colocar aqui minhas experimentações e experiências. Mas por enquanto, vamos trocando idéias, ok?! Se alguém mais já leu ou ler o livro daqui pra frente, pode colocar nos coments dos próximos posts, que a gente discute a idéia, valeu?!
Bjsss

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Não me canso...

Pois eh, não me canso de olhar a foto do Noah. Ai!!! Como quero ele aqui, nos meus braços para apertar, cheirar, morder (de levinho...rs), beijar e afagar. Sei que ele tem que ficar na casinha por mais algum tempinho, pra ficar ainda mais gostoso pra mamãe, mas é uma sensação tão boa saber que já tá chegando. Sei lá... parece que eu tava numa montanha russa: os 3 primeiros meses é a subida, depois vem um pouco de linha reta no 2º trimestre e agora parece que entrei naquela decida desenfreada - o 3º trimestre!!! Nossa!!! Olhando pra trás, o tempo passou rápido. Foi um dia desse que voltamos da viagem ao nordeste e eu, já com o coração esperançoso, comecei a contar os dias pra fazer o teste...rsrs. Acabei me adiantando e tava lá minha segunda linha tão esperada...

E agora, meu bebê já tá aqui, formadinho, só crescendo e ganhando peso, dormindo, chutando e chupando o dedinho...rsrs. Que delícia!!!
"Te amo demais, meu filho!! Vc é a rosa azul que o papai plantou na mamãe... vc é tudo de bom que há em mim e nele, um pedacinho maravilhoso de cada um de nós que Deus juntou... vc é nosso maior amor, nosso maior presente."

Ok. Sei que não fiz quartinho ainda (e vendo todas as mamis blogueiras com seus quartinhos prontos, me dá até arrepio); que não comprei os móveis, os kits, não fiz o chá de bebê; sei que a situação do muda, não muda continua e que nossa vida tá uma indecisão, um mistério só... Mas acho que tudo se ajeita até a chegada do Noah. Deus vai cuidar para que ele venha no tempo certo (final de março pra lá) e ai, vamos por tudo no lugar a tempo.

Uma coisa, pelo menos, já tá decidido. O chá de bebê vai ser dia 19 de fevereiro. Vai ser de fraldas e outras coisinhas, por isso vai ser "Chá de Bebê" mesmo..rsrs.

Ah! Meu fotógrafo ontem veio me cobrar quando vamos fazer as fotos...mas minha barriga tá começando a dar as caras agora, né?! Acho que foto de grávida tem que ser com aquele barrigão lindo, majestoso, sabe?! Pedi pra ele ver quanto vai ficar e vou ver se faço até o início de fevereiro... espero que a barriga desabroche até lá..rs.

Bom, no mais tô bem. Me recuperando da semana brava que passei e voltando à rotina do trabalho (esperando ansiosamente pelas férias de março..rsrs).

Agora, será que alguém pode me explicar, como é que eu tô pesando 84kg??? Pq do nada, hoje de manhã, foi isso que apareceu na balança... Eu tô sem saber o que fazer... vcs conhecem minha GO... vai dar piti, tenho certeza que vai, e segunda é a consulta com ela... tô no sal.

Mais alguém engordou do nada assim, que nem eu??? Da noite pro dia??
Bjsss

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Notícias: do hospital à felicidade

Olá, pessoal!

Primeiramente, desculpa pela minha ausência. Até tenho entrado nos blogs, visto o que está acontecendo com vcs, mas não tive condições de ficar muito tempo por aqui. Parece que a coisa anda feia pro meu lado. Quando achei que tudo tava bem e que tava melhorando, peguei uma intoxicação alimentar. Vomitei tudo o que não vomitei nos 3 primeiros meses de gestação. Pior: vômito e diarréia. Foi horrível!! Isso foi domingo. Tive que ir para o hospital. Fiquei lá tomando soro e aqueles remedinhos de praxe. Graças a Deus passou. Mas ontem eu tava me sentindo um franguinho amuado, de tão fraquinha. Mas, como tudo tem seu lado ruim e seu lado bom, depois disso, minha clínica geral pediu pra eu fazer uma ultra, só por precaução e saber como estava o Noah e o líquido amniótico, por causa da desidratação. Então, lá fui eu hoje fazer uma US.... e uma coisa maravilhosa aconteceu...

Como sempre meu filho estava com a mão no rosto, ora chupando dedo, ora se esfregando, mas o médico super gente boa mexeu, mexeu e conseguiu essa imagem maravilhosa:



Tô chorando até agora. Não me canso de olhar!!! É meu filho, gente!!! É o rosto do meu bebê... nem dá pra acreditar que ele é assim, que já dá pra vê-lo desse jeito... é um sonho. Tô anestesiada de tanto amor.. parece que a ficha caiu mais um pouco..rsrs. E o pai tá babando até agora pq o nariz do Noah é igual ao dele...aff!! Tá bom... mas o resto é meu..rsrs.

Ele está com 985g e 35 cm. Crescendo normalmente, graças a Deus. Tem chutado e se mexido mais ultimamente, mas ainda não virou. Continua sentado...aff. Tomara que ele comece a virar logo, senão a mãe aqui vai ter um troço...rsrs.

Também hoje, peguei meus exames. Graças a Deus, a insulina abaixou, já tô fora de risco!!! Posso voltar a usar o açucar com moderação para a insulina não subir de novo e com cuidado pra não aumentar o peso, né?! Esse mês, engordei 1kg, graças às festas do fim de ano. No total, são 3kg em 7 meses, acho que até tô bem! Só espero que a GO não dê piti...rsrsrs. O único problema - e ela vai dar piti por causa disso - é que tô com uma leve anemia. Mas acho que consigo tratar disso tb...

No mais, acho que daqui pra frente as coisas vão voltar ao normal. Pelo menos, é o que eu espero!!! Chegamos ao 3º trimestre da gestação, que se inicia com 27 semanas (apesar que pra mim, o certo seria com 28), mas enfim, é isso. Entramos na reta final.
Bjsss

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Meu Resumão

Bom, primeiramente, feliz 2011 para todo mundo. Passei aqui tão rápido no último post, que acabei esquecendo desse detalhe, né?!

Vamos ao resumão:

Os últimos dias
Dia 31 foi ótimo... aqui deu uma chuvinha gostosa, que deu uma amenizada no calorão... Nós passamos a virada do ano na igreja e é muito gostoso, sentimos a presença de Deus o tempo todo: pudemos agradecer pelas bençãos recebidas em 2010 e agradecer as bençãos que virão em 2011.

Depois do culto, saímos para lanchar... e depois, cama, né?! No dia seguinte, aproveitei para visitar o Pedro. Gente, ele tá enoooooooorme... engordou e cresceu tão rápido...rrs. Uma delícia!! Aproveitei bastante!!

Domingo é dia de culto, mas sabe quando vc acorda e parece que não é o dia pra se levantar?? Pois eh, eu senti isso, mas insisti e fui pro culto. Resultado: passei mal. Mesmo a igreja estando geladinha pelo ar condicionado, no meio da mensagem eu comecei a sentir uma falta de ar, uma falta de ar terrível. Achei que fosse passar, mas não. Só foi piorando. Uma hora olhei pro pastor e tudo começou a rodar. Fiquei tontinha. Uma amiga que é técnica em enfermagem, tava na minha frente, a Jany.. não pensei duas vezes: virei bem discretamente no ouvido dela e disse o que tava sentindo. Ela mandou eu abaixar a cabeça (que é o que a gente faz quando a pressão abaixa) e esperar que o filho dela ia buscar um copo de água gelada. Fiz o que ela disse, até pq, como socorrista, eu sei que esse é o primeiro passo... ela mediu minha pulsação e viu que tava baixa. Graças a Deus, o pastor terminou logo a mensagem e eu tomei o copo de água bem devagar, enquanto meu esposo pegou um biscoito salgado pra eu comer. Comi e comecei a melhorar. Mas foi horrível, gente!! Eu me senti como se tivesse asma. Puxava o ar e ele não entrava. Um horror!! Passei o dia descansando, e à noite, fui para o culto que seria ao ar livre. Lá comecei a sentir falta de ar tb, mas logo me levantei e tomei água... do nada, passou. Ainda bem!

Só que na segunda, eu tava mal. A enxaqueca voltou... não fui trabalhar. Não tinha condições. Minha médica me orientou - da outra vez que tive a crise - que o negócio era repousar e fazer compressa gelada; paracetamol só em último caso mesmo. E foi o que fiz. Passei o dia dormindo.. melhorei um pouco e saímos para jantar na casa de uns amigos. Passamos na farmácia e aferimos a pressão: 11x7. Totalmente normal, graças a Deus. Mas a dor continuou teimosa. E pior, foi quando voltamos pra casa. Achei que ia para no hospital, pq a dor era tão intensa, que eu não tava aguentando. Mamãe ligou para minha clínica geral e ela autorizou tomar o paracetamol. Tomei e deitei. A dor custou a ir embora, mas graças a Deus, ela diminuiu e eu peguei no sono.

No dia seguinte, não fui trabalhar. Resolvi que não ia me estressar. A dor continuava, fraquinha, mas continuava. Descansei mais um dia e fui na consulta com minha amiga. Ela passou uns exames e me deu um atestado. Infelizmente, no dia seguinte, eu até fui trabalhar, mas comecei a sentir dor e ficar tonta. Voltei pra casa e resolvi só voltar ao trabalho segunda. Minha médica vai dar um atestado e finish. Ontem, a dor continuou fraquinha, mas persistente. Tive uma tontura, mas logo passou. Agora, tô nesse de falta de ar de novo, mas acho que é o calor.

Ginecologista
Pois eh. O pior que aconteceu vcs não sabem. Lembram que eu tava toda feliz e ansiosa com a consulta com a nova GO, a dra. Jaqueline Alvarenga??!! Então, eu falei pra um monte de gente. A consulta seria dia 04, na terça. Pois bem. Acordei mal na segunda, mas fiquei feliz, pois recebi o telefonema da secretária da dra confirmando a consulta pro dia seguinte. Só que, após o almoço, recebi uma ligação que acabou comigo: a secretária, pedindo desculpas, disse que a dra não poderia me atender, pois a cota de partos para o mês de abril estava completa e por isso, como ela ainda não havia me consultado, ela estava ligando para desmarcar a consulta. Eu tentei argumentar, falar, implorar, mas a secretária disse que não tinha jeito, que a dra gosta de atender a todos muito bem, enfim, que realmente não seria possível. Chorei. Chorei muito. De raiva, tristeza e decepção. Eu consegui marcar essa consulta em novembro. Como é que só agora ela me liga pra dizer um absurdo desse?!! Liguei de volta e pedi para que ela visse se a dra poderia me atender, pois eu estava passando mal, etc e tal. Ela ficou de me retornar e nada. Então, resolvi me superar. Peguei o telefone celular da médica que eu tinha anotado na agenda e liguei diretamente para ela. Ela me atendeu, me ouviu, mas explicou a dificuldade dela. Ok. Entendo, mas e eu??? Como ficaria agora?? Como é que vou achar outra GO especializada em PN?? Enfim, ela disse que eu poderia ir na consulta do dia seguinte, mas cheguei a conclusão de que não valeria a pena. Resolvi que vou marcar com todas as GO's adeptas do PN pra ver qual eu vou gostar mais. E com essa eu vou ficar.

Por enquanto, tenho consulta marcada com a dra Maria Beatriz, no dia 17. Vou continuar com ela até achar quem estou buscando. É melhor assim. Consegui tb a indicação de uma médica chamada Eloisa Leite. Dizem que é uma ótima GO e que é adepta do PN. Consegui consulta com ela para 04 de fevereiro. Até lá, paciência.

26 semanas
Completamos as 26 semanas e Noah pareceu acordar. Domingo e segunda ele me remexeu muito nessa barriguinha aqui...rsrs. Parecia que tinha resolvido ser mais sapeca... mas ontem e hoje, ele voltou a ser o Noah preguiçosinho de sempre...kkkkkkkk. Acho que não tem jeito: meu filho vai ser sapeca é aqui fora...rsrs. Finalmente, estamos chegando às 27 semanas... quando começa o 3º trimestre da gestação (apesar de, pelas minhas contas, os 7 meses começarem só com 28 semanas). Enfim, o importante é que faltam pouco mais de 75 dias para meu filhote estar nos meus braços. Gente, eu começo a viajar nisso e é muito louco. Fico pensando em como vai ser o parto, em como vai ser ele aqui, com a gente... é muito estranho, né?!! Um dia desse era sonho, agora é realidade. Não tem mais como fugir...rsrsrs.

Bom, ainda não fizemos nada. Ele tem roupinhas suficientes, isso é fato. Mas o quarto, nada feito. Vcs sabem que o nosso maior problema é essa desilusão com o apartamento que não é nosso. Gostaríamos que o Noah chegasse numa casa que é dele (ou que pelo menos esteja sendo paga para ele), mas tá difícil. Não resolvemos nada dos móveis, pq não sabemos se ficamos, se saímos... enfim, tá difícil decidir. Estamos apenas orando pra que Deus nos oriente e tenhamos paz em qualquer decisão. E tem mais uma coisa... ainda existe uma possibilidade pequena de nos mudarmos daqui.... outro dia explico melhor, mas pode ser que o Noah vá viver em Maceió-AL ou Porto Alegre-RS. Bem, com isso, ficamos ainda mais em dúvida e de mãos e pés atados. Só nos resta esperar e depois, fazer tudo correndo.

Bom, vou ficar por aqui. Mais tarde, venho contar outras coisas que ando pensando e planejando, ok?!
Bjsss

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Caras e Bocas


Essas são minhas caras e bocas nos primeiros minutos de 2011...rsrsrs. Como já mudei, gente!! Não dá pra ter muita noção, mas dá uma olhada na foto da página "Sobre mim"... muito louco!!!

Só passei pra dizer que nossa virada de ano foi ótima, graças a Deus. Infelizmente, tenho passado mal esses dias: falta de ar, tontura, enxaqueca... o ó!! Já estou melhorando, mas não dá pra ficar muito tempo na frente do computador, né?! Assim, logo que puder, venho contar tudo o que aconteceu esses dias, tá?!

Ah! Coloquei a foto da barriga de 6 meses na página "Barriguinha"... mas tá muito bagunçado... assim que der, vou arrumar pra ficar tudo lindo!!

Bjsss

Minhas Visitas