Meu Emagrecimento

LilySlim Weight charts

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Meu Resumão

Bom, primeiramente, feliz 2011 para todo mundo. Passei aqui tão rápido no último post, que acabei esquecendo desse detalhe, né?!

Vamos ao resumão:

Os últimos dias
Dia 31 foi ótimo... aqui deu uma chuvinha gostosa, que deu uma amenizada no calorão... Nós passamos a virada do ano na igreja e é muito gostoso, sentimos a presença de Deus o tempo todo: pudemos agradecer pelas bençãos recebidas em 2010 e agradecer as bençãos que virão em 2011.

Depois do culto, saímos para lanchar... e depois, cama, né?! No dia seguinte, aproveitei para visitar o Pedro. Gente, ele tá enoooooooorme... engordou e cresceu tão rápido...rrs. Uma delícia!! Aproveitei bastante!!

Domingo é dia de culto, mas sabe quando vc acorda e parece que não é o dia pra se levantar?? Pois eh, eu senti isso, mas insisti e fui pro culto. Resultado: passei mal. Mesmo a igreja estando geladinha pelo ar condicionado, no meio da mensagem eu comecei a sentir uma falta de ar, uma falta de ar terrível. Achei que fosse passar, mas não. Só foi piorando. Uma hora olhei pro pastor e tudo começou a rodar. Fiquei tontinha. Uma amiga que é técnica em enfermagem, tava na minha frente, a Jany.. não pensei duas vezes: virei bem discretamente no ouvido dela e disse o que tava sentindo. Ela mandou eu abaixar a cabeça (que é o que a gente faz quando a pressão abaixa) e esperar que o filho dela ia buscar um copo de água gelada. Fiz o que ela disse, até pq, como socorrista, eu sei que esse é o primeiro passo... ela mediu minha pulsação e viu que tava baixa. Graças a Deus, o pastor terminou logo a mensagem e eu tomei o copo de água bem devagar, enquanto meu esposo pegou um biscoito salgado pra eu comer. Comi e comecei a melhorar. Mas foi horrível, gente!! Eu me senti como se tivesse asma. Puxava o ar e ele não entrava. Um horror!! Passei o dia descansando, e à noite, fui para o culto que seria ao ar livre. Lá comecei a sentir falta de ar tb, mas logo me levantei e tomei água... do nada, passou. Ainda bem!

Só que na segunda, eu tava mal. A enxaqueca voltou... não fui trabalhar. Não tinha condições. Minha médica me orientou - da outra vez que tive a crise - que o negócio era repousar e fazer compressa gelada; paracetamol só em último caso mesmo. E foi o que fiz. Passei o dia dormindo.. melhorei um pouco e saímos para jantar na casa de uns amigos. Passamos na farmácia e aferimos a pressão: 11x7. Totalmente normal, graças a Deus. Mas a dor continuou teimosa. E pior, foi quando voltamos pra casa. Achei que ia para no hospital, pq a dor era tão intensa, que eu não tava aguentando. Mamãe ligou para minha clínica geral e ela autorizou tomar o paracetamol. Tomei e deitei. A dor custou a ir embora, mas graças a Deus, ela diminuiu e eu peguei no sono.

No dia seguinte, não fui trabalhar. Resolvi que não ia me estressar. A dor continuava, fraquinha, mas continuava. Descansei mais um dia e fui na consulta com minha amiga. Ela passou uns exames e me deu um atestado. Infelizmente, no dia seguinte, eu até fui trabalhar, mas comecei a sentir dor e ficar tonta. Voltei pra casa e resolvi só voltar ao trabalho segunda. Minha médica vai dar um atestado e finish. Ontem, a dor continuou fraquinha, mas persistente. Tive uma tontura, mas logo passou. Agora, tô nesse de falta de ar de novo, mas acho que é o calor.

Ginecologista
Pois eh. O pior que aconteceu vcs não sabem. Lembram que eu tava toda feliz e ansiosa com a consulta com a nova GO, a dra. Jaqueline Alvarenga??!! Então, eu falei pra um monte de gente. A consulta seria dia 04, na terça. Pois bem. Acordei mal na segunda, mas fiquei feliz, pois recebi o telefonema da secretária da dra confirmando a consulta pro dia seguinte. Só que, após o almoço, recebi uma ligação que acabou comigo: a secretária, pedindo desculpas, disse que a dra não poderia me atender, pois a cota de partos para o mês de abril estava completa e por isso, como ela ainda não havia me consultado, ela estava ligando para desmarcar a consulta. Eu tentei argumentar, falar, implorar, mas a secretária disse que não tinha jeito, que a dra gosta de atender a todos muito bem, enfim, que realmente não seria possível. Chorei. Chorei muito. De raiva, tristeza e decepção. Eu consegui marcar essa consulta em novembro. Como é que só agora ela me liga pra dizer um absurdo desse?!! Liguei de volta e pedi para que ela visse se a dra poderia me atender, pois eu estava passando mal, etc e tal. Ela ficou de me retornar e nada. Então, resolvi me superar. Peguei o telefone celular da médica que eu tinha anotado na agenda e liguei diretamente para ela. Ela me atendeu, me ouviu, mas explicou a dificuldade dela. Ok. Entendo, mas e eu??? Como ficaria agora?? Como é que vou achar outra GO especializada em PN?? Enfim, ela disse que eu poderia ir na consulta do dia seguinte, mas cheguei a conclusão de que não valeria a pena. Resolvi que vou marcar com todas as GO's adeptas do PN pra ver qual eu vou gostar mais. E com essa eu vou ficar.

Por enquanto, tenho consulta marcada com a dra Maria Beatriz, no dia 17. Vou continuar com ela até achar quem estou buscando. É melhor assim. Consegui tb a indicação de uma médica chamada Eloisa Leite. Dizem que é uma ótima GO e que é adepta do PN. Consegui consulta com ela para 04 de fevereiro. Até lá, paciência.

26 semanas
Completamos as 26 semanas e Noah pareceu acordar. Domingo e segunda ele me remexeu muito nessa barriguinha aqui...rsrs. Parecia que tinha resolvido ser mais sapeca... mas ontem e hoje, ele voltou a ser o Noah preguiçosinho de sempre...kkkkkkkk. Acho que não tem jeito: meu filho vai ser sapeca é aqui fora...rsrs. Finalmente, estamos chegando às 27 semanas... quando começa o 3º trimestre da gestação (apesar de, pelas minhas contas, os 7 meses começarem só com 28 semanas). Enfim, o importante é que faltam pouco mais de 75 dias para meu filhote estar nos meus braços. Gente, eu começo a viajar nisso e é muito louco. Fico pensando em como vai ser o parto, em como vai ser ele aqui, com a gente... é muito estranho, né?!! Um dia desse era sonho, agora é realidade. Não tem mais como fugir...rsrsrs.

Bom, ainda não fizemos nada. Ele tem roupinhas suficientes, isso é fato. Mas o quarto, nada feito. Vcs sabem que o nosso maior problema é essa desilusão com o apartamento que não é nosso. Gostaríamos que o Noah chegasse numa casa que é dele (ou que pelo menos esteja sendo paga para ele), mas tá difícil. Não resolvemos nada dos móveis, pq não sabemos se ficamos, se saímos... enfim, tá difícil decidir. Estamos apenas orando pra que Deus nos oriente e tenhamos paz em qualquer decisão. E tem mais uma coisa... ainda existe uma possibilidade pequena de nos mudarmos daqui.... outro dia explico melhor, mas pode ser que o Noah vá viver em Maceió-AL ou Porto Alegre-RS. Bem, com isso, ficamos ainda mais em dúvida e de mãos e pés atados. Só nos resta esperar e depois, fazer tudo correndo.

Bom, vou ficar por aqui. Mais tarde, venho contar outras coisas que ando pensando e planejando, ok?!
Bjsss

7 comentários:

Fatima disse...

Nossa menina, domingo eu fiquei mal assim igualzinho você, sorte que tava em casa, preparando a minha omelete matinal, rsrsrs, quando comecei a ficar tonta, quase caí em cima do fogão, aí meu marido me ajudou e eu deitei um pouco, mas fiquei o dia todo péssima, com muita falta de ar e tonturas.
Quanto ao quarto do Noah, coloque nas mãos de Deus sim, Ele vai indicar o caminho certo para vocês. Se for para mudar, ou não, com certeza será o que for melhor. No tempo certo, tudo se ajeitará.
Beijos!!!

Jaque Moraes disse...

Pris!!!
Fiquei hiper preocupada contigo, flor!!! Tu anda passando muito mal da dor de cabeça. Já pensou em ver se a tua pressão não anda alta? Eu já tive dor de cabeça horrível e a minha pressão tava acima do que costuma ser (tava 11 por 7, quando o meu normal é 9 por 6). Tem que descansar e ficar bem quietinha, pra não passar mal outra vez!!!
E quanto ao lugar onde vocês moram, vou torcer pra que logo, logo consigam resolver isso.
E se vocês se mudarem pra Porto Alegre, já sabe: seremos vizinhas!!!!! hehehehehe
Beijinhos pra ti e pro Noah, e te cuida, tá!!!!

Tati Carmo e Melo disse...

Pri, tem de ficar mais tranquila pra enxaqueca não voltar, hein? Quanto à médica, acredito muito que nosso Pai cuida de colocar tudo sempre no lugar certo. Assim, não era para ela ser a sua médica! Sossegue, pois você encontrará sim o profissional ideal.
Beijos e fique bem!

Carla Domingos disse...

OI Pris!
Que decepcao com essa medica!!
Eu me lembro que vc falou mto bem dela e poxa, ja tinha marcado a um tempao a consulta!

Mas como sabemos, tudo esta nas maos de Deus e com certeza Ele esta providenciando o melhor pra voce e o Noah!

Bjinhos

Gi-mamãesaudável disse...

olha, menos mal que sua PA ta baixa, pq alta eu tenho panico!!!
mas que bom que vc ta bem!foi so um mal estar!
e ainda bem que vc tava em lugar com gente pra te ajudar!
agora que medica hein?cota de parto, nunca vi isso?!!!!!
mas va na sua medica e marque com outras para voce conhecer!mas nao deixe para mudar muito em cima da hr, é bom vc ter plena confiança na medica!

agora que vi, vc é seguidora da Tracy Hogg, a do livro encantadora de bebes?
to lendo e to amando...em doses homeopaticas e ela fala muita coisa que se encaixa no comportamento da sarinha!

bjks

Nave Mamãe disse...

É um martírio mesmo essa busca pelo PN né? Que absurdo! Passei pelo mesmo e agora estou passando novamente pra achar alguém que cubra os 10 dias de férias da minha obs!

Mas resolvi que só vou em mais uma médica e, se não der certo, fico nas mãos do plantão mesmo, não dá pra se stressar demais, principalmente agora que nos stressamos por dois...

Beijos

Jenifer Martins disse...

Lindo blog, amiga!
Parabéns!!!

Beijão

Minhas Visitas